terça-feira, novembro 10
Shadow

Como estudar para o Enem – Caderno do Enem

Tão importante quanto saber o que estudar, é saber como estudar para o Enem. Confira essas dicas e organize seus estudos de forma correta e dinâmica.

Por ser uma prova diferente dos vestibulares tradicionais, com diversas questões contextualizadas, interdisciplinares e focadas em temas da atualidade, o Enem gera ansiedade. Todo ano, com o anúncio de uma nova edição, surge a mesma dúvida: “como estudar para o Enem?“. Se você está vivendo a realidade dos pré-vestibulandos esse ano, com certeza já deve ter se perguntado isso.

Porém, já parou para pensar como você pode estudar melhor seus conteúdos, de uma maneira que não seja cansativa e que otimize seus resultados? Diferente do que estudar é importante saber como estudar, independente do conteúdo ou prova que você vai realizar. Confira as dicas abaixo e aprenda como estudar para o Enem!

 Rotina de estudos

Elaborar um plano de estudos é fundamental se você deseja se sair bem no Enem. Ele irá organizar seus horários de estudo, de acordo com compromissos fixos que você já tenha em sua agenda (aulas, cursos extras, consultas, trabalho). Uma boa ideia é estudar diferentes disciplinas no mesmo dia e intercalar algumas pausas, para que seu cérebro não se canse de ficar apenas num tipo de conteúdo.

Lembre-se de reservar a maior parte do seu cronograma de estudos para as matérias que você tem mais dificuldade e procure materiais complementares diversos, como simulados, apostilas de exercícios, videoaulas. A revisão dos conteúdos também deve fazer parte da rotina, deixe essa parte para o fim do dia ou finais de semana, quando sua cabeça está com mais dificuldade para absorver novos conteúdos.

Elaborando um cronograma de estudos Renato Alves é Coordenador Pedagógico do Colégio Apogeu de Juiz de Fora. Além de orientar as turmas, ele busca fornecer aos alunos um acompanhamento próximo, dando dicas de organização para os estudos. Aprenda, com as suas dicas, o que é importante na hora de elaborar um cronograma de estudos:

Leituras

A leitura de textos, obras literárias e apostilas deve ser dividida em partes, para facilitar seu entendimento. Portanto, nada de ler tudo de uma vez sem intervalos! Primeiro, procure um lugar tranquilo e confortável; silêncio também é essencial para que você possa se concentrar apenas na leitura. Fique longe do celular e da televisão!

Comece fazendo uma leitura contínua e completa do texto, sem a preocupação de memorizar nada no início. Leia com calma e sem pular partes (não adianta ler com pressa para acabar logo!) para entender o assunto geral do livro. Depois, refaça a leitura, aprofundando em cada parágrafo ou capítulo e grife as palavras-chave e frases mais importantes.

Resumos

Fazer um resumo é a melhor forma de assimilar o conteúdo estudado, principalmente em matérias que exigem bastante leitura, como história ou literatura. Ao resumir, você deve estar atento a três pontos cruciais: as partes essenciais do texto, a ordem em que elas aparecem e a correlação entre cada uma das partes.

Explicando melhor: enquanto seleciona partes do texto, você não pode se esquecer dos assuntos mais importantes, senão seu entendimento ficará prejudicado. Já na hora de resumir, você não pode botar várias frases soltas no papel. As ideias devem estar dispostas em ordem lógica e com relação entre elas, garantindo um resumo compreensível.

Aqui no Caderno do Enem, você pode entender algumas técnicas preciosas para fazer um resumo eficiente!

Redações

O Enem e a grande maioria dos vestibulares cobra uma redação dos candidatos. Por isso, além de resolver exercícios e fazer simulados, a prática de redigir é muito importante. Procure organizar sua rotina de estudos a fim de incluir um tempo para escrever redações.

Escreva em média uma por semana e sempre peça para outra pessoa ler – se não contar com a ajuda de um professor, vale requisitar a atenção de um familiar ou amigo. Se você consegue escrever mais de uma redação de qualidade por semana, melhor ainda. Até o final do processo você estará craque na escrita!

Você conhece o formato da redação do ENEM? Confira as dicas do professor Wesley Pontes para se sair bem na prova!

Exercícios e simulados

Os exercícios e simulados são muito importantes para você avaliar o seu aproveitamento e também se seu plano de estudos está sendo eficiente; com base nos resultados, você descobre em quais matérias precisa se dedicar mais. Procure apostilas do Enem ou exercícios na internet e resolva alguns após estudar os conteúdos. Essa é a forma mais fácil de habituar com o estilo do exame e mapear o que é mais cobrado.

Os simulados também podem te ajudar a se preparar emocionalmente para o Enem. Reúna uma quantidade boa de exercícios e reserve, por exemplo, um dia no final de semana para resolvê-los dentro de um tempo determinado. Essa prática ajuda a se habituar às condições do exame e desenvolver sua capacidade de concentração na resolução de exercícios durante mais tempo.  Alguns cursinhos pré-vestibulares oferecem simulados para toda a população; fique atento e veja se isso ocorre na sua cidade.

Videoaulas

A internet ajuda bastante a vida dos estudantes. Além de possuir variados bancos de questões, você também encontra diversas videoaulas com professores e especialistas no assunto. Com essas aulas online você pode acessar o conteúdo quando quiser e assistir quantas vezes for necessário. Elas são muito úteis para o momento de revisão. Na TV Caderno do Enem, você também encontra várias videoaulas com as melhores dicas e conteúdos.

Filmes

Durante a rotina de estudos também deve haver uma espaço para momentos de lazer. Que tal ver um bom filme? Melhor ainda, que tal ver um filme e ainda aprender e complementar seu aprendizado? Os filmes podem ensinar, de forma leve e dinâmica, um pouco mais sobre personagens e momentos históricos, por exemplo. O portal Caderno do Enem separou uma lista bem legal de filmes para estudar história para o Enem, por exemplo. Confere aí!

Aplicativos 

Aplicativos de celular, os apps, também podem ajudar o candidato do Enem. Existem diversos que ensinam fórmulas, cálculos, regras gramaticais. Outros já são focados mais em exercícios no estilo simulado do Enem. E não para por ai, os aplicativos também podem ajudar você a organizar seus estudos. Quer saber como? Conheça 5 aplicativos grátis para você estudar melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *